PARQUE TIZO (Região Oeste)

fevereiro 25, 2013 at 12:05 pm Deixe um comentário

Região Oeste terá seu grande parque estadual em 2014 

O governo de São Paulo já tem um cronograma para a implantação do Parque TIZO, entre as cidades de Cotia, Osasco e São Paulo 

O governo do Estado de São Paulo,  através da Coordenadoria de Parques Urbanos da Secretaria de Meio Ambiente, divulgou nesta semana às entidades populares, o cronograma de obras do Parque TIZO em andamento, área de 1,3 milhão de m2 situada no encontro entre as cidades de Cotia, Osasco e São Paulo. O parque tem potencial para se tornar o Ibirapuera da Região Oeste, que é carente de áreas verdes, e é o início do cinturão verde que se inicia na Granja Viana.

 

Em conversa mantida com a Sra. Dora Tschirner, membro do CONSEMA/SMA, o Coordenador da CPU esclareceu que o cronograma de instalação do parque indica que a terraplenagem do viveiro foi iniciada em novembro e a área já se encontra limpa. Foi executada também a limpeza ao longo dos gradis. Poderá haver adequações a serem efetuadas no projeto original, em face de constatações do local, após a limpeza.  No tocante ao restante da área, a licitação foi aberta na primeira quinzena de novembro/2011 e conta com a classificação das empresas. O reinicio previsto das obras é este mês, fevereiro de 2013.

Cronograma Previsto:
Platô Viveiro:            nov e dez/2012
Terraplenagem:       nov/2012 à jun/2013
Infraestrutura:         abr a nov/2013
Praça do Encontro:  Set/2013 à jan/2014
Platô Educação Ambiental e Administração:  set/2013 a 2014.

 

O Parque TIZO é um parque metropolitano que surgiu após a união de movimentos populares de cinco cidades da Região Oeste: Cotia, Osasco e São Paulo (três cidades que dividem o terreno do parque), Taboão da Serra e Embu das Artes, que também participaram do movimento pela construção do mesmo. O presidente do Conselho Consultivo do Parque TIZO é o eminente ecologista Dr. Paulo Nogueira Neto, primeiro ministro do meio-ambiente no Brasil e um dos mais respeitados estudiosos da questão no país. No momento, o Conselho está com o mandato vencido, mas que em breve deverá ser reestruturado.

 

O parque foi criado pelo governador Geraldo Alckmin em seu primeiro mandato, em 2006. Depois disso, passou quatro anos sem nenhum novo investimento do governo estadual. Com o retorno de Alckmin, o parque voltou a se tornar esperança de ampliação de qualidade de vida da Região Oeste de São Paulo.

 

 

 

Anúncios

Entry filed under: Informativo.

Térmicas devem operar em tempo integral (Folha SP) PROJETO FLORESTAR do Ministério Público (Ato nº 61/2012)

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Trackback this post  |  Subscribe to the comments via RSS Feed




"A indiferença com o meio ambiente é a conivência com nossa destruição"
Hans Alois (1949-2006)

"O que Sabemos é uma Gota, o que Ignoramos é um Oceano !!!!"
Isaac Newton (1643-1727)


 

contador de visitas





Olho Vivo no Dinheiro Público

Portal da Transparência do Governo Federal

Portal da Transparência do Governo Federal



%d blogueiros gostam disto: