Alerta ambiental global do PNUMA sobre fracking

dezembro 22, 2012 at 10:20 am Deixe um comentário

Nov/2012:  a fraturação hidráulica, uma técnica de extração de gás também conhecida como fracking, apresenta desafios ambientais e de saúde consideráveis, de acordo com o Alerta ambiental global do PNUMA.  De acordo com o RELATÓRIO, a questão de se e como permitir o fracking merece cuidadoso exame das leis, regulamentos e impactos ao meio ambiente e à saúde. 

O Alerta do PNUMA declara que esta técnica não convencional de extração de gás apresenta riscos ambientais, a despeito dos benefícios de segurança energética, incluindo: contaminação do ar, solo e água; concorrência pelo uso da água; danos ao ecossistema; impactos ao habitat e à biodiversidade; e emissões fugitivas de gás.

 

O Alerta enfatiza riscos à saúde pública, incluindo: explosão durante a construção do duto; liberação de toxinas no ar, solo e água; e concorrência por terra e água necessárias para a produção de alimentos. O documento levanta preocupações sobre a falta de exigências de divulgação das substâncias químicas utilizadas no fracking, e explica que as substâncias químicas conhecidas do fracking afetam aspectos da saúde humana desde o sistema imunológico até o sistema nervoso, e podem causar câncer e mutações.

 

O Alerta do PNUMA aponta que diminuir a dependência de combustíveis fósseis seria menos arriscado do que continuar a desenvolver o fracking.

 

O Alerta apresenta considerações técnicas para o fracking, incluindo: evitar o fracking em áreas de falta de água, populações densas ou agricultura, requerendo treinamento e supervisão de destinação de resíduos, derramamentos e vazamentos; usando a separação do gás durante a drenagem; e projetando poços de injeção para minimizar o risco da reação do dióxido de carbono.

 

O Alerta do PNUMA conclui que o fracking pode causar impactos ambientais mesmo se feito apropriadamente, e que as regulamentações existentes são insuficientes. O relatório admite que o gás de fracking pode crescer com as demandas energéticas, mas prefere uma medida que permita uma transição para um futuro de baixo carbono. 

[Publication: UNEP Global Environment Alert: Gas Fracking: Can We Safely Squeeze the Rocks?]

Anúncios

Entry filed under: Informativo.

PATAGONIA/Argentina – 1º município da América Latina a proibir o fracking. ONU identifica crescentes emissões de mercúrio

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s

Trackback this post  |  Subscribe to the comments via RSS Feed




"A indiferença com o meio ambiente é a conivência com nossa destruição"
Hans Alois (1949-2006)

"O que Sabemos é uma Gota, o que Ignoramos é um Oceano !!!!"
Isaac Newton (1643-1727)


 

contador de visitas





Olho Vivo no Dinheiro Público

Portal da Transparência do Governo Federal

Portal da Transparência do Governo Federal



%d blogueiros gostam disto: